II Regional de Saúde de Mossoró promove Carnaval voltado para a prevenção da Aids

CARNAVAL

   

A II Unidade Regional de Saúde Pública (II Ursap), através do Núcleo de Humanização e Qualidade de Vida no Trabalho – NHQVT e o Núcleo Regional de Saúde do Trabalhador – NURSAT promoveu quinta-feira (23), a partir das 8h, na sede da unidade de saúde a realização de uma Blitz Interativa nas dependências da sede da II URSAP e UNICAT com motivos carnavalescos através de decoração temática como forma de inserir na ambiência temas relacionado ao evento, respeitando e colaborando para ajudar valorização da cultura popular e nas relações interpessoais dos servidores, bem como na educação em saúde voltada a prevenção (DST-AIDS e Hepatites Virais; Acidentes e uso do Álcool e Drogas) visando atender ao programa de valorização do servidor.

O evento foi direcionado aos servidores da sede da II URSAP e UNICAT e usuários em geral. O tema do evento será Folia com Prevenção: Isso é educação em saúde. A Blitz Interativa teve como foco alertar servidores sobre cuidados básicos com a saúde, especialmente na prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, nessa época de festas de rua e blocos de carnaval.

Estiveram presentes ao evento a gerente Michelly Cristiane Cabral de Lima; o coordenador da Equipe Técnica da II Ursap, Tony Santos; a coordenadora de Recursos Humanos, Nida Lira, a administradora Karina Maria Soares e profissionais de saúde.

Segundo a gerente da II Ursap, Michelly Cristiane Cabral de Lima o objetivo do evento foi expor a cultura popular do carnaval como festa sazonal ou temporária para reeditar falas voltadas para a prevenção de DST-AIDS e Hepatites Virais; Acidentes de Modo Geral e Uso de Álcool e Drogas, através da ambientação dos espaços, que venham visualizar o tema citado, fortalecendo o compromisso da Instituição e dos trabalhadores como promotores da execução das políticas de saúde pública e mantendo a valorização da condição de servidor.

Para o técnico do Núcleo de Humanização e Qualidade de Vida no Trabalho – NHQVT, Erialdo Rebouças existe a necessidade de se estimular o servidor a ser ator na promoção da qualidade de vida dele mesmo participando de ações que visem a sua inserção nos momentos da instituição na qual ele está lotado.

“A Blitz interativa na sede da II URSAP, com a participação dos servidores utilizou de adereços e fantasias carnavalescas com objetivo de chamar a atenção ao propósito do evento que é despertar no trabalhador a necessidade de utilizar as datas festivas e de aglomerações para difundir as políticas de saúde pública, orientando e informando sobre atendimentos voltados ao usuário dos serviços de saúde”, disse Erialdo Rebouças.

Para a coordenadora de Recursos Humanos da II Ursap, Nida Lira, esse período deve ser aproveitado por todos, mas que cada um tenha o cuidado de não causar qualquer ônus para a saúde, que envolve a proteção de si mesmo e do próximo. “Lembrem de beber muita água, repor o filtro solar a cada duas horas, dormir pelo menos 8h e não exagerar na bebida alcoólica. Se for dirigir, não beba, ou vá a pé, de táxi. Sua vida é seu maior bem. Você é responsável por todos que estiverem dentro do seu carro. Cuide deles também”, ressaltou Nida Lira.

“O nosso foco é reforçar que o uso de preservativos deve ser sempre um hábito, possível de ser seguido e que pode até melhorar a relação, desconstruindo o imaginário popular de que fazer sexo sem camisinha é melhor. Uma boa parte da população já usa a camisinha como hábito. O desafio é fazer com que mais pessoas adotem a mesma prática, mesmo quando a relação fica estável, além de alertar aos servidores de que a Aids ainda não tem cura”, disse o coordenador da Equipe Técnica da II Ursap, Tony Santos.

16976257_1325012284286820_865650217_n

 

Abdias Duque de Abrantes

Assessor de Comunicação Social

II Ursap – MTB-PB Nº 604

zap o diario

Continuar Lendo

II Ursap promove Seminário Regional de Educação Permanente em Saúde

NEIDE  REBOUÇAS   palestra

     

SUGESTÃO DE PAUTA

II Ursap promove Seminário Regional de Educação Permanente em Saúde

A gestora de Aprendizagem do Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio-Libanês, enfermeira Ellys Marina de Oliveira Lara será uma das palestrantes

A II Unidade Regional de Saúde Pública (II Ursap), por meio da Comissão de Integração, Ensino e Serviço (CIES) realizará quarta-feira (26) das 8h30 às 12h no auditório da unidade de saúde, com sede em Mossoró o I Seminário Regional de Educação Permanente em Saúde: Integração, Ensino e Serviço direcionado aos secretários municipais de saúde, assessores técnicos responsáveis pelos processos que envolvem educação permanente nos municípios, instituições formadoras da saúde, escolas técnicas e universidades da cidade.

O evento terá como palestrantes a gestora de Aprendizagem do Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio-Libanês – SP, enfermeira Ellys Marina de Oliveira Lara e a professora da Faculdade de Medicina da UERN, mestre em Saúde da Família pela RENASF/UFRN, coordenadora do Grupo de Saúde Coletiva da UERN e médica da ESF pela Prefeitura de Mossoró, Andrea Taborda Ribas da Cunha.

Estarão presentes ao evento a gerente da II Ursap, Iranilde Oliveira Campos, a coordenadora de Recursos Humanos, Narah Jaqueline Régis Nogueira, a coordenadora da CIES/II Ursap, Neide Rebouças e o coordenador da Equipe Técnica da II Ursap, Daniel Duarte.

“A Comissão Permanente de Integração Ensino-Serviço (CIES) é uma instância intersetorial e interinstitucional permanente que participa da formulação, condução e desenvolvimento da Política de Educação Permanente em Saúde previstas no artigo 14 da Lei 8080/90 e tem por finalidade propor prioridades, métodos e estratégias para a formação e educação continuada dos recursos humanos do Sistema Único de Saúde (SUS), na esfera correspondente, assim como em relação à pesquisa e à cooperação técnica entre essas instituições”, informa a coordenadora da CIES da II Ursap, Neide Rebouças.

São competências da Comissão Permanente de Integração Ensino-Serviço (CIES): fomentar a mudança das práticas de saúde das ações de educação do SUS, estimulando práticas baseadas numa relação integrada entre ensino, serviço e comunidade; Estimular a criação, apoiar e cooperar tecnicamente com as Comissões

Intergestores Regionais (CIR) para a construção dos Planos Regionais de Educação Permanente em Saúde, conforme Plano Diretor de Regionalização do Estado do RN – PDR/RN; assessorar a CIR nas discussões sobre Educação Permanente em Saúde e incentivar a adesão cooperativa e solidária de instituições de formação e desenvolvimento dos trabalhadores de saúde aos princípios, à condução e ao desenvolvimento da Educação Permanente em Saúde, ampliando a capacidade pedagógica em toda a rede de serviços de saúde e educação do RN.

A CIES é composta por gestores, formadores, trabalhadores e usuários de saúde para a Política de Educação Permanente do Sistema Único de Saúde no Estado – SUS-RN.

BASE LEGAL

A Portaria nº 1.996 de 20/08/2007 do Ministério da Saúde enfatiza a descentralização das ações de Educação Permanente em Saúde, propondo espaços microrregionais de discussão entre gestores, trabalhadores, instituições de ensino, comunidade e outros agentes sociais e instituí as Comissões de Integração Ensino e Serviço (CIES), dispondo também as diretrizes para a implementação da Política Nacional de Educação Permanente em Saúde e dá outras providências.

Segundo o artigo 14 da Lei 8080/90: Deverão ser criadas Comissões Permanentes de integração entre os serviços de saúde e as instituições de ensino profissional e superior.

 

Abdias Duque de Abrantes

Assessor de Comunicação Social

II Ursap – MTB-PB Nº 604

Continuar Lendo

Técnicos da II Regional de Saúde de Mossoró discutem ações para 2014

REUNIÃO II URSAP 13 02 2014

OESTE – A gerente da II Unidade Regional de Saúde Pública (II Usap), Iranilde Oliveira Campos reuniu-se quinta-feira (13) de fevereiro com técnicos da unidade para discutir ações estratégicas que serão implementadas em 2014. Outros temas também foram discutidos no evento.

A coordenadora da equipe técnica da II Ursap, Xênia Fabíola Pinto Lima falou acerca do monitoramento dos indicadores da saúde e sobre a avaliação externa do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB) nos vinte e seis municípios da 2ª e 8 regiões de saúde.

Já estão agendadas visitas a todos os vinte e seis municípios da II Ursap. Após as visitas os técnicos deverão realizar um relatório das atividades desenvolvidas.

A gerente da II Ursap, Iranilde Oliveira Campos falou para todos os servidores acerca da recomendação conjunta do Ministério Público do Rio Grande do Norte e o Ministério Público junto ao Tribunal de Contas do RN que recomenda ao aos Secretários Estaduais de Saúde e de Administração e Recursos Humanos em relação às escalas de trabalho das unidades estaduais de saúde. Todos os servidores estão cientes das recomendações o órgão ministerial.

“De acordo com a Recomendação o Secretário Estadual de Saúde deverá expedir ato normativo disciplinando critérios mínimos para a concessão de licença para tratar de interesses particulares; disciplinar o afastamento de servidor para servir em outro poder, órgão ou entidade; e afastamento para estudo, estágio ou treinamento aos servidores estaduais da saúde”, disse a gerente.

Já ao Secretário Estadual de Administração e Recursos Humanos, a recomendação é no sentido de também disciplinar a concessão de licenças e afastamentos discricionários para toda a Administração Pública, conforme os trâmites pertinentes do Poder Executivo Estadual, respeitando as particularidades específicas das áreas de educação, saúde e segurança pública.

De acordo com o artigo 6º do Decreto nº. 23.627, de 02 de agosto de 2013, que estabelece medidas de contenção de despesas públicas no âmbito da Administração Pública Direta e Indireta Estadual, ficam suspensos por tempo indeterminado, no âmbito dos Órgãos e Entidades da Administração Pública Direta e Indireta a concessão de vantagem, aumento, reajuste, adequação de remuneração a qualquer título e licenças, salvo quando derivados de sentença judicial, determinação legal ou contratual. Excetuam-se da proibição, a concessão de licenças previstas no art. 88, I, II, III e V, da Lei Complementar Estadual n.º 122, de 30 de junho de 1994.

CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA O HPV

Também foi discutida a realização da Campanha de Vacinação contra o contra o vírus do papiloma humano (HPV). O HPV atualmente é um dos principais responsáveis pelo câncer de colo de útero, o terceiro tipo de câncer mais frequente entre as mulheres. O principal público-alvo da vacinação serão meninas entre 11 e 13 anos de idade. A campanha será realizada a partir do dia 10 de março. A II Ursap tem uma população de 15.541 meninas na faixa etária de 11 a 13 anos, sendo 6.488 em Mossoró.

Abdias Duque de Abrantes

Assessor de Comunicação Social – II Ursap – DRT PB 604

Continuar Lendo

Governo Dilma investe R$ 2,1 milhões no Vale dos Dinossauros em Sousa – PB CONFIRA!

1390497_449758328478891_587655836_n

O Ministério do Turismo (MTur) vai investir R$ 2,1 milhões para melhorar a infraestrutura do Vale dos Dinossauros, no município de Sousa, no alto sertão da Paraíba, a 427 km da capital João Pessoa. A cidade de Sousa polariza sete municípios da 10ª Região Geoadministrativa da Paraíba: Lastro,Marizópolis, Nazarezinho, Santa Cruz, São Francisco, São José da Lagoa Tapada e Vieirópolis. O recurso do Ministério do Turismo terá como destino a construção e reforma de passarelas. A região de Sousa é conhecida por ter sido habitada por dinossauros e preservar vestígios de espécies que viveram há, aproximadamente, 65 milhões de anos. Localizado no alto sertão da Paraíba, o Vale dos Dinossauros preserva mais de 50 tipos de pegadas, espalhadas por toda bacia sedimentar do Rio do Peixe em uma extensão de 700 Km². Estegossauros, Alossauros, Iguanodontes, enfim, inúmeras espécies de dinossauros viveram no sertão paraibano entre 250 e 65 milhões de anos. “A singularidade da região, com formações rochosas que atraem turistas e estudiosos de todas as partes do mundo, resulta em forte potencial turístico, ainda pouco explorado. Com o investimento, queremos atrair um número maior de visitantes para o sertão da Paraíba”, informa o secretário nacional de Programas de Desenvolvimento do Turismo, Fabio Mota. A finalidade do investimento é valorizar a riqueza natural do Vale dos Dinossauros, ainda pouco conhecido. O parque ficou um ano fechado e sofreu uma reforma ultimamente. Atualmente o museu está climatizado e o espaço de exposições foi reestruturado. Existem trilhas e mirantes adaptados às normas de acessibilidade. O Vale dos Dinossauros fica no sítio Ilha, distante 7 km da sede do município. É parada obrigatória de turistas, estudantes, ecologistas e cientistas do Brasil e de outras partes do mundo. Venha você também viver esta emoção!

1379249_449758121812245_1838677797_n

Abdias Duque de Abrantes Jornalista DRT PB 604

Continuar Lendo

Prefeito assina ordem de serviço para construção de oito Unidades de Saúde CONFIRA!

201310031006420000005805

As obras, que estão dentro da política de valorização da saúde pública da PMJP

O prefeito Luciano Cartaxo assina nesta sexta-feira (4), às 9h, ordens de serviço para a construção de oito novas Unidades de Saúde da Família (USF) que beneficiarão 70 mil pessoas. A cerimônia de assinatura acontecerá na Rua Tomaz Gomes da Silva, 89, Oitizeiro, local onde será construída uma das unidades. As outras sete ficarão localizadas nos bairros do Jardim Cidade Universitária, Paratibe, Mangabeira, Cidade dos Colibris, Bairro das Indústrias e Cristo Redentor. Os investimentos são da ordem de aproximadamente R$ 6 milhões com recursos da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) e do Governo Federal. “O nosso Governo tem investido muito na reestruturação da saúde, que é a nossa prioridade”, declarou Luciano Cartaxo. “Iniciar a construção de oito novas unidades de saúde significa investir na atenção básica de mais de 70 mil pessoenses, levando um serviço de maior qualidade para quem mais precisa. Com esta ação garantimos 14 novas USFs em construção na cidade de João Pessoa, além disso, já entregamos a reforma de outras cinco unidades, além do Caps Gutemberg Botelho. Tudo isso representa a priorização da saúde”, complementou. O secretário municipal de Saúde, Adalberto Fulgêncio, destacou que o governo do prefeito Luciano Cartaxo está investindo no conceito de saúde ampliada. “Estamos investindo cada vez mais na saúde com o objetivo de cuidar do nosso povo. Essas oito novas Unidades de Saúde da Família são a prova desse cuidado do governo municipal com a população. O objetivo é investir cada vez mais no usuário”, destacou. As obras, que estão dentro da política de valorização da saúde pública da PMJP, irão beneficiar 13 Equipes de Saúde da Família e também contemplará a expansão de sete novas equipes que cobrirão a população ainda não beneficiada com a Estratégia de Saúde da Família. As unidades oferecerão ações individuais e coletivas, como consulta médica e de enfermagem para crianças; acompanhamento e desenvolvimento da criança, adolescentes, adultos e idosos, em áreas temáticas como hipertensão, diabetes, gestantes, tuberculose, hanseníase e tabagismo; planejamento familiar; e prevenção do câncer de colo de útero, mama, próstata e bucal. Assim como as outras USFs existentes na Capital, as oito novas disponibilizarão atendimento odontológico, imunização, curativos, retiradas de ponto, nebulização, visitas domiciliares, ações de vigilância epidemiológica, bloqueios vacinais e investigações epidemiológicas, beneficiando assim a população que mais precisa de serviços médicos ofertados pela rede pública de saúde. Veja onde vai ser a USF do seu bairro: R/Pastor Rodolfo Beuttenmuller, S/N – Jd Cidade Universitária (R$ 537.931,47) R/ Rejane Freire Correia S/N – Jd Cidade Universitária (R$ 735.032,08) R/ Sibipiruna, S/N – Paratibe (R$ 636.974,82) R/Neli Pessoa Lima, S/N – Mangabeira (R$ 765.483,09) R/ Empresário Manoel de Brito, S/N – Cidade dos Colibris (R$ 694.125,21) R/ Cidade Belém, S/N – Cidade Verde – Bairro das Indústrias (R$ 573.929,96) R/ Tomaz Gomes da Silva, 89 – Oitizeiro (R$ 742.433,93) R/ Antônio Gomes da Silva, S/N – Cristo Redentor (R$ 727.480,75)            

O Diário De Vieirópolis Com  Secom-JP

Continuar Lendo