II Ursap realiza reunião para discutir estratégias para a Campanha Nacional de Multivacinação

JORGE MOTTA  - IMUNIZAÇÃO II URSAP

   

A II Unidade Regional de Saúde Pública (II URSAP), por meio do Programa Regional de Imunizações realiza segunda-feira (4), às 8h30, no auditório da unidade de saúde, com sede em Mossoró, uma reunião preparatória para a Campanha Nacional de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação da Criança e do Adolescente,

direcionada aos coordenadores municipais do Programa de Imunizações e vacinadores dos vinte e seis municípios da jurisdição da II Ursap. Estarão coordenando a reunião os técnicos do Programa Regional de Imunizações da II Unidade Regional de Saúde Pública (II Ursap), Jorge Motta e Lucinete Almeida. Estão sendo esperados para o evento 56 participantes.

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e II Unidade Regional de Saúde Pública (II Ursap) articuladas com as Secretarias Municipais de Saúde (SMS), realizarão no período de 11 a 22 de setembro, a Campanha Nacional de Multivacinação para Atualização de Caderneta de Vacinação, sendo 16 de setembro, o dia de divulgação e mobilização nacional.

“São objetivos da campanha resgatar não vacinados ou completar esquemas de vacinação, visando atualizar a caderneta das crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade (14 anos 11 meses e 29 dias), de acordo com o Calendário de Nacional de Vacinação, Oportunizar o acesso às vacinas oferecidas pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI), melhorar as coberturas vacinais e homogeneidade, contribuir na redução da incidência das doenças imunopreveníveis e manter controladas, eliminadas ou erradicadas as doenças imunopreveníveis”, informa o técnico do Programa Regional de Imunizações da II Ursap, Jorge Motta.

“A vacinação será de forma seletiva para a população alvo, desta forma não há meta a ser alcançada, no entanto, na ocasião da Campanha será avaliado o número de doses aplicadas no período”, disse Jorge Motta.

Esta ação envolve as três esferas gestoras do Sistema Único de Saúde (SUS), contando com recursos da União, da Secretaria de Estado da Saúde Pública (SESAP) e Secretarias Municipais de Saúde (SMS). Para maior adesão, ações de divulgação e mobilização social à população serão realizadas durante a campanha.

“As crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade (14 anos 11 meses e 29 dias) devem comparecer ao posto de vacinação para que a caderneta seja avaliada e o esquema vacinal atualizado, de acordo com a situação encontrada. A caderneta é um documento pessoal e deve acompanhar a criança e o adolescente a todo o momento. Pais e responsáveis devem ser incentivados a trazerem a caderneta de vacinação da criança ou adolescente para uma avaliação criteriosa da situação vacinal,” conclama a técnica do Programa de Imunizações da II Ursap, Lucinete Almeida.

“A multivacinação é uma estratégia que o Programa Nacional de Imunizações vem adotando desde 2012 com a finalidade de atualizar a situação vacinal da população de crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade (14 anos 11 meses e 29 dias). A estratégia é realizada em um período determinado e em um curto intervalo de tempo, nesta oportunidade são oferecidas as vacinas da rotina, a fim de melhorar a cobertura vacinal e otimizar a logística dos serviços de saúde. Nessas campanhas procuram-se administrar vacinas de forma seletiva e possibilitar a atualização da Caderneta de Vacinação”, disse o gerente da II Ursap, Ruidenberg Ferreira Souto (Dr. Beguinho).

   

Abdias Duque de Abrantes

Assessor de Comunicação Social

II Ursap MTB-PB Nº 604

zap-o-diario3